Em webprograma Colombo destaca investimentos na Educação e recursos para a Arena Condá

Assista "Com a Palavra, o Governador"

No webprograma semanal Com a Palavra, o Governador, Raimundo Colombo falou sobre as escolas inauguradas no Oeste do Estado, o novo prédio da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), em Lages, que foi entregue para abrigar o Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CCET) e os recursos para reforma da Arena Condá e construção do museu da Associação Chapecoense de Futebol, em Chapecó.

No Oeste do Estado foram inauguradas duas escolas, uma em Palmitos e a outra em Dionísio Cerqueira. Os investimentos com a construção das duas unidades chegou a R$ 10,2 milhões, do Governo do Estado por meio do Pacto pela Educação.

Colombo destacou que as escolas estão mais modernas e com uma melhor infraestrutura, que conta com centro de artes, ginásio de esportes, salas e laboratório. “Eu convivi com os alunos por alguns momentos o que enche a gente de vigor e energia. Temos muitas escolas que vão ser inauguradas agora e que ficaram prontas”.

“Elas vêm dentro de um conceito de ensino integral, que na minha opinião, sei que é difícil porque é muito caro, mas é a grande transformação que a gente pode fazer. Estamos avançando muito na educação, na infraestrutura, na qualidade e os resultados virão. Eu tenho certeza que nós vamos conseguir avançar muito mais nos próximos anos”.

Foto: Julio Cavalheiro / Secom

Com a inauguração do novo prédio da Uniplac, com investimento de R$ 12,5 milhões, será possível abrigar seis diferentes cursos, o que vai beneficiar cerca de 700 alunos. “Estamos trazendo para o interior de Santa Catarina, numa região que precisa de desenvolvimento, que é a Região Serrana, cursos estratégicos de engenharia. Um centro moderno de Ciências Exatas e engenharia, também laboratórios novos modernos, um dos melhores do Brasil, o que vai permitir formar profissionais de altíssimo nível”.

Em Brasília, o governador confirmou a liberação de R$ 15,5 milhões para a construção de um museu e a cobertura das arquibancadas da ala leste, além de melhorias na ala sul da Arena Condá. “Foi liberado o recurso para fazer o memorial e também para fazer uma melhoria em uma parte do estádio, o que vai permitir uma infraestrutura melhor para a Chapecoense. E que ele possa imortalizar todos aqueles heróis que faleceram no acidente de avião – toda a história da Chapecoense – e deixar isso vivo na memória de todos através desse memorial”.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA