A informação chega primeiro aqui!

Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2024

Notícias Esportes

Pescador perde para Criciúma no Heriberto Hülse

Tigre venceu o Barra FC por 1 a 0

Pescador perde para Criciúma no Heriberto Hülse
Richard Ferrari/Divulgação/BFC
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Barra FC caiu para o Criciúma, 1 a 0, pela sexta rodada do Campeonato Catarinense 2024, no estádio Heriberto Hülse, nesta noite de quarta-feira (7). O solitário gol do partida foi de Kaike, contra, em um lance que a arbitragem hesitou por alguns segundos em validar o tento e que rendeu reclamações do clube de Balneário Camboriú.

Na próxima rodada, o Barra FC recebe o Concórdia, no estádio Dr. Hercílio Luz, no sábado (10), às 18h. O clube de Balneário Camboriú possui sete pontos e está na sexta colocação. 

O JOGO - A partida iniciou com uma intensa pressão dos mandantes; o Pescador baixou as linhas e se sustentou na defesa nos 15 primeiros minutos. O Tigre chegou em jogadas pelos flancos do campo, mas o goleiro Ewerton não sujou a camisa, sem chances perigosas para a equipe carvoeira.  O ímpeto agressivo do Criciúma diminuiu e o Pescador chegou com chutes de fora da área com Gelson, que obrigou Gustavo a fazer defesa, e de Ricardo Luz e Murilo Cavalcante, que passaram por cima da meta adversária. 

Na melhor chance da partida, Muriel serviu Ricardo Luz na direita, o lateral olhou para área e cruzou com açúcar. Adilson Bahia antecipou a marcação e cabeceou em direção ao gol, mas faltou força e o goleiro Gustavo fez boa defesa. O Criciúma voltou a tentar ter o controle da partida nos dez minutos finais. A equipe carvoeira forçava as jogadas pelo lado direito, e abusava dos cruzamentos. Vitão e Wesley Matos eram soberanos na bola aérea e afastavam tudo que chegava por ali. E assim foram os 45 minutos iniciais. Um zero a zero com pouquíssimas chances claras de gol. 

ETAPA FINAL - O Pescador levou perigo primeiro na segunda etapa e com a melhor chance. Matheus Carvalho recebeu livre no centro do campo. O meia serviu Muriel, que entrava livre pela direita, o camisa 2 recebeu, parou e chutou com força, a bola passou rente o pé na trave e, caprichosa, saiu pela linha de fundo. 

E quando o Barra FC estava bem e seguro, a bola puniu o Pescador. Lance pela esquerda, cruzamento no segundo pau e Kaike, tentando afastar a bola e pressionado pelo rival, em condição irregular, cabeceia contra o próprio gol. Uma hesitação inicial do auxiliar, que, confabulou com o juiz, e validou o tento: 1 a 0 aos nove minutos. O Pescador, então, colocou sangue novo em campo para tentar abrir o placar: Marcelinho, Thiaguinho, DG e Emerson Júnior entraram. 

Aos 33, Alex Henrique fez pivô e serviu Emerson Júnior, que soltou uma patada, obrigando Gustavo a trabalhar e mandar a escanteio. O Criciúma tirou o ritmo do jogo, e tentava ficar com a bola ou com as linhas baixas, chamando o Pescador ao ataque. O Barra FC ameaçou, somente, na reta final, em um cruzamento de Ricardo Luz, que Alex Henrique não conseguiu antecipar a marcação. E final de partida no Heriberto Hülse, com vitória dos mandantes.

FONTE/CRÉDITOS: Vinicius Las Casas/Imprensa/Barra FC
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!