A informação chega primeiro aqui!

Sexta-feira, 12 de Julho de 2024

Notícias Polícia

Polícia Federal prende em flagrante estrangeiro investigado por abuso sexual infantojuvenil

Policiais federais cumpriram mandado de prisão preventiva e de busca e apreensão 

Polícia Federal prende em flagrante estrangeiro investigado por abuso sexual infantojuvenil
Arquivo/PF
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Federal deflagrou, nesta segunda-feira (27), a Operação Wotan, para reprimir a exploração sexual infantojuvenil na região de fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai.

Na ação, policiais federais cumpriram um mandado de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva em Santana do Livramento. O investigado também foi preso em flagrante pelo crime de armazenamento de conteúdo envolvendo abuso sexual infantojuvenil.

A Operação Wotan teve início em abril de 2024, a partir de notícia de crime encaminhada à Polícia Federal sobre o armazenamento e compartilhamento de vídeos e fotos de abuso sexual infantojuvenil, suspeitas de favorecimento da prostituição e aliciamento de crianças, além da produção de imagens com cenas envolvendo crianças e o possível abuso sexual de uma criança.

O investigado é uruguaio, reside no Brasil e já foi condenado em seu país por crimes de armazenamento e compartilhamento de material de abuso sexual infantojuvenil. Recentemente, investigação da Polícia Civil apurava denúncia de que ele estaria aliciando pessoas da região para que permitissem a exploração sexual de seus filhos e filhas.

A ação ocorre durante o maio laranja, mês de conscientização e combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.



FONTE/CRÉDITOS: Comunicação Social da Polícia Federal em Santana do Livramento
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!